“O Verão no prato”. Este podia muito bem ser o nome da receita que se segue, tal é a cor, frescura e ambiente iluminado que reproduz.
Os sabores são os desta estação que cada vez mais nos prega partidas e nos deixa na incógnita se amanhã iremos encontrar um calor abrasador ou uma chuvinha irritante.
Por sorte fiz esta saladinha especial no fim de semana prolongado das festividades do S. João e pude disfruta-la debaixo de um calorzinho daqueles de derreter. 

Sabe bem voltar a participar no desafio do “Dia Um… Na Cozinha” com uma receita tão deliciosa e refrescante.

Assim que vi o tema, Couscous, fiquei animada. A verdade é que adoro este ingrediente, ainda que não o cozinhe tanto quanto gostaria. Imediatamente me surgiu a vontade de executar algo bem fresco e diferente de onde o costumo usar. 

Recordo sempre que o provei pela primeira primeira vez há uns anos largos na Tunísia, onde nunca podia faltar couscous à mesa, em qualquer sítio. Sendo um alimento originário e com grande uso no norte de África, é servido como acompanhamento básico e essencial que combina com quase todos os pratos.
Dada a simplicidade e rapidez de execução, e a forma como facilmente se aromatiza com os mais distintos sabores, manifesta um potencial que merecia uma expressão maior na nossa alimentação. Curiosamente algo que, conta a história, já aconteceu.

Guardo esta receita como referência, pela delícia que é, recordando-me obrigatoriamente dela sempre que falo em couscous. É excelente e o engraçado é que também foi feita para este mesmo desafio. 

Quando recebi o livro que inspirou a proposta de hoje rapidamente desatei a marcar as preferidas, como sempre faço. Neste caso olhei para a salada caribeña e rapidamente a imaginei perfeita envolvida em couscous.
É uma receita extra simples, altamente representativa da versatilidade do couscous, que aqui juntamente com a fruta é rei. Não rivalizam. Complementam-se em pleno. 
A única exigência desta saladinha é que seja comida bem bem fresca.
E excelente Verão a todos! 


































































SALADA CARIBEÑA GELADA

(Adaptada da receita Chilled Caribbean Shrimp Salad, do livro “The Skinny Taste Cookbook”, de Gina Homolka)

Ingredientes
(3-4 doses)
1 cebola roxa, média
2 laranjas
1/2 mamão
1 manga
1 abacate
1/2 de pimento vermelho
1 lima
12 camarões médios, cozidos e descascados
2 chávenas (chá) de couscous
Coentros frescos
Azeite 
Flor de sal, by Necton
Pimenta preta
Preparação
Começar por preparar o couscous, levando duas chávenas (chá) de água a ferver, temperada com uma pitada de sal. Colocar o couscous num prato fundo, juntar um fio de azeite e verter a água a ferver por cima. Tapar o prato  e aguardar 3-4 minutos, para a água seja absorvida. Destapar e mexer com um garfo para que os grãos se soltem bem. Reservar.
Descascar a cebola e laminar finamente. Temperar com sal, com um fio de azeite e sumo de lima.
De seguida laminar a laranja (reservar 1/2) e retirar a pele. Juntar à cebola.
Descascar a manga e o mamão e cortar em cubos, assim como o pimento.
Juntar a fruta, o pimento, o camarão e os coentros à cebola, temperar com o sumo de 1/2 laranja, sal e pimenta preta. Envolver bem e levar ao frio cerca de 30 minutos.
Retirar do frio envolver o couscous e o abacate cortado em cubos. Antes de servir acrescentar um pouco mais de sal, pimenta e sumo de lima e servir bem fresco.